Molhados

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Então grite...

Toda palavra não dita vai sufocar o riso antes incontido, vai ofuscar o brilho que se tinha no olhar e paralisar todos os gestos que antes não se controlavam. Toda palavra não dita vai revelar nossa alma, vai dizer só o que se errou e o quanto se arrependeu de calar todas aquelas letras que pulavam na mente, coloridas, e que, agora sufocadas, não ditas, transformam tudo num filme preto e branco.
Toda palavra não dita vai bater sempre à porta da consciência, vai fazer transbordar os olhos e apertar o coração.
Coração... Não adianta calar a palavra e por em confronto com o que bate mais forte. Toda palavra não dita só faz ouvir o coração. E isso é o que vai fazer doer mais.
Não é a palavra não dita o problema. O problema é o que o coração grita.

2 comentários:

  1. E como grita esse coração...chega a perder a voz de tanto tentar falar. Mas a porta da consciência não pode reclamar das batidas pois ela se deixou trancar pela chave da razão!!
    Certos são os "loucos" que jogaram essa chave fora, o inveja...

    ResponderExcluir
  2. Quando o coração grita é sinal que calamos muitas vezes na hora errada! Há de se ter atenção a esses momentos em que temos a palavra pronta para saltar de nossa boca. Se elas não forem ditas como queremos, elas serão engolidas e por fim entupirão nossos corações!! Palavras entupidas doem!

    ResponderExcluir