Molhados

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Para os melhores amores do mundo

Descobri cedo que não combino com certas coisas. E porque é cedo é que tive sorte. Ah, não me bastaria uma vida que não é minha, com pessoas que nunca foram minhas. Aí você me diz: Pessoas não são umas das outras. Aí eu digo: Meus amores são sim. Todos meus. Verdadeiros amores são esses, os que ficam em nós, que se doam pra nós. Meus amores são meus amigos (poucos mas belos), minha família louca e meus sonhos mais intensos. Amores que são meus. E por descobrir que não combino com certas coisas é que pude escolher com o quero combinar. Quero combinar com isso de ser livre e de se desprender do que não me acrescenta mais. Quero combinar com isso de ser quem eu sou e com isso de dizer adeus sem olhar pra trás.
Combino com isso de dizer eu te amo sem temer. De amar meus amores que são meus... Melhores amores.

6 comentários:

  1. Oi Ana, como está você?
    Muito bom te ver no Let Me Go, vc realmente andou sumida, apareça mais *-*
    P.S.: seu blog tá cada vez mais liindo!

    ResponderExcluir
  2. Amo correr, a corrida é meu amor, o amor de muita gente que como eu ama correr. Ame tambem voce este esporte, venha amar com a gente e influenciar mais pessoas a ama-lo tambem. Amei seu texto, um amor de reflexão.

    ResponderExcluir
  3. ADOREI O TEXTO!

    Lindo...emocionante....

    bjos!

    Zil

    ResponderExcluir
  4. Tem selos de presente pra você em meu blog
    http://ventosnaprimavera.blogspot.com
    Na postagem EU E O IPÊ
    Passe lá e pegue, é de coração
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Amar..., então, é o amor de dar?

    Gostei da sua visita!

    ResponderExcluir