Molhados

domingo, 24 de outubro de 2010

Sua vida e seus atos são um livro de infinitas páginas
que eu leio e releio
enquanto você se limita à página dois.

28 comentários:

  1. "Para aprender a ler, pra isso não tem hora. Pode ser dia, pode ser de noite, pode ser agora..." kkk

    Tirando a piada... Eis um poético choque de realidade! Se alguém me diz isso, ficaria sem ação! E talvez fosse justamente o problema, a falta de ação!!

    Gostei!

    Ótima semana!! Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Se limitar, medo de seguir em frente?

    :)
    Bonito, Ana!

    ResponderExcluir
  3. Devemos sempre virar a página do livro da vida. Cada dia é um novo dia.
    Bjux

    ResponderExcluir
  4. Concordo com o outro comentarista: um verdadeiro choque de realidade. Achei o máximo. Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Adorei o teu cantinho, seguindo-te!
    Beijo meu.

    ResponderExcluir
  6. Adorei isso, de alguém não querer virar a página, encontro-me assim...
    Bjs*

    ResponderExcluir
  7. Ana, simples e profunda frase! Quantos não desejam mudanças, novos rumos e se contentam com a mesmice de sempre?? Bjs e boa semana.

    ResponderExcluir
  8. Muito boa a frase!
    Essa limitação de quem enxerga a vida dentro do seu quadrado ou olhando pro próprio umbigo é lamentável. Agora referindo-se ao amor, nós mulheres, sempre olhamos adiante, não tem jeito! Ou esperamos o retardatário ou arrancamos ele pelo braço, para então, seguir adiante. Eu não sou muito de espera, não. Quem quiser continuar parado, que fique... eu já fui.

    Bjus

    ResponderExcluir
  9. oiiiiiii

    Amei o post. Veio ao encontro dos meus delírios de hoje...hehe
    Seja bem vinda ao meu blog.

    Beijos doces e linda semana.

    ResponderExcluir
  10. Ahh ando tão sem limites ultimamente, rs

    beijo meu'

    ResponderExcluir
  11. Nessa leitura um tom especial.
    Também te sigo linda.
    Obrigada pelo carinho.

    Beijo.
    Fernanda.

    ResponderExcluir
  12. Adorei, de profunda reflexão.

    eu quero ler e reler e passar das segundas paginas da vida.

    Um beijo!!

    ResponderExcluir
  13. Fico feliz com a sua visita ao meu blog, agradeço o elogio que são raros hj em dia, acho que tenho mais criticas, ñ sei pq rs. Eu vou seigui-la tb, achei interessante, vc le a livro todo e tem de frente alguem que ñ sai de uma página? é, as vezes esperamos mais, é isso? um abraço e felicidades

    ResponderExcluir
  14. Com certeza, falta-lhe impulso para a vida.
    Gostei muito daqui e já estou te seguindo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Gente lenta que não nos acompanha na leitura!

    Por covardia ou pregiça, vão ficando no caminho.

    Curiosidade: e esse sobrenome, é basko?

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Ana,

    gostei muito da sua reflexão e atitude.


    Beijos

    ResponderExcluir
  17. adoro teu blog!
    sempre te acompanho!
    te sigo
    http://sucumbindoaodestino-juliana.blogspot.com/

    beijao

    ResponderExcluir
  18. Oiii..Obrigada por me seguir..Sigo-te também..Bju!

    ResponderExcluir
  19. Mas cada história tem um começo e um fim, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  20. Não importa a espessura desse livro da vida, a gente sempre se deixa agarrar a alguns específicos trechos. Seja um amor, uma amizade, um momento. O que é intenso, marca, e a gente se apega!
    Lindo hein :)

    ResponderExcluir
  21. Fico feliz em te ver no Faces, obrigada pelos comentários.

    Eu tenho uma essência inquieta, por isso, não consigo ficar mt tempo na msma página.
    Sigo em frente, sempre!

    Bjss

    ResponderExcluir
  22. Olá...
    Ir além é necessário...
    Algumas pessoas ficam estagnadas...
    Outras correm livres como folhas de um livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. E há os que preferem, por praticidade e/ou apatia, começar pelo índice remissivo. Fazem nas pessoas uma leitura técnica, objetiva, tirando apenas o que convém.
    :)
    Bjo

    ResponderExcluir
  24. já escrevi sobre a página dois. vejo-me e me banho por aqui...
    abs

    ResponderExcluir