Molhados

domingo, 25 de setembro de 2011


  Quando começo a enlouquecer com essa nossa história
olho pro lado e vejo brotar do chão mil motivos pra 
seguir em frente e sorrir.
Teus dias insanos são para equilibrar minha paz.
E a vida foi feita pra isso, meu bem.
Só não use, nem compartilhe o que é só meu,
meus vícios, minhas paixões, minhas marcas e definições.
Ou o que foi e é só nosso.
Cante outras músicas, pense em outras declarações,
invente um amor inédito para seus amores novos.



domingo, 18 de setembro de 2011

Laços que não se soltam criam emoções inevitáveis quando se escolhe viver o presente. 
O futuro? Amanhã veremos. 
E amanhã será presente quando acordarmos. E então diremos de novo adeus. 
Mas a vontade dessa paz é sempre presente e presente, por ser hoje, é pra ser vivido. Viveremos assim então, enquanto for. 
Só por hoje. Amanhã talvez. 
Há algo em nós que resiste firme e forte ao tempo. 
Começamos sempre onde paramos. Não paramos. 
Rasgaremos os calendários. 
E a única regra é fechar os olhos e viver o dia de hoje. 
Só o presente interessa. 
Nem passado, nem futuro. Nem certo, nem errado.  
Viveremos a vontade de transformar o hoje, no melhor tempo que existe, pra você e pra mim.



 
"...nem todos eles, nem tudo é sempre, baby.
Viva a nossa vontade..."
Alemão Ronaldo

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Se eu colocasse em prática 
essa intensa vontade de acertar nossas vidas, 
estragaria tudo o que ainda nos resta?